terça-feira, 12 de março de 2013

Jogando a toalha....





Tenho profundo respeito pela equipe médica do qualivida. Mas desobedeci deliberadamente suas recomendações. Esta manhã, durante a caminhada diária me senti muito, muito mal. Comecei a sentir fraqueza, tontura e minha vista por vezes ficou enegrecida. Cheguei em casa fiz o lanche conforme a dieta líquida esperei e nada. Comecei a sentir um frio muito forte. E estamos num calor danado aqui! Eu coloquei uma blusa de lã e me cobri com um edredom dobrado no meio. Ainda assim me sentia com frio, tremia, meu esposo começou a entrar em desespero, mediu minha pressão e temperatura e estava tudo normal.
Eu liguei para a Dra. Irani, que me recomendou ir ao Hospital Santa Cecília.O problema é que eu não tenho carro, não tinha ninguém disponível para me levar e explicando a situação para ela, a Dra. me disse que ia consultar o cirurgião e me ligaria com instruções. Duas horas depois ela me ligou, me dizendo que não tinha jeito eu precisava ir ao hospital, afinal aquele era um sintoma incomum, principalmente por que não estava associado a outros (como diarréia, vômitos, dores, pressão alterada, temperatura alterada).
Não é que eu não quisesse, mas o problema é que não tinha como. Liguei para minha mãe que me lembrou que me senti assim quando esqueci de me alimentar lá no dia 4, eu pulei duas refeições por que me esqueci de comer.
Bem, isso só podia dizer que meu problema era fraqueza. Pura e simplesmente. Mas eu tinha comido tudo certinho, estava bem hidratada.Logo deduzi (e não façam isso em casa) que a dieta líquida estava sendo insuficiente. Eu não sou nem louca de dar um passo adiante sem orientação. A próxima dieta segundo essa equipe médica é a pastosa, tudo amassadinho.
Mas tinha outra alternativa. Na Dix eu passei com a nutricionista,tinha dieta até 45 dias receitada e lá tinha uma dieta após os 15 dias de dieta liquida. A dieta cremosa, com alguns itens sólidos (como bolacha de água e sal) e outros cremosos (como purê), eu fui pelo caminho do meio e aproveitei que o marido estava fazendo um caldo de carne com legumes e bati no liquidificador, coei, e tomei 150 ml de sopa. Adivinhem o que aconteceu. Uma hora depois eu estava sem blusa, sem edredom.
No lanche  da tarde, eu tomei 50 ml de suco de melão e 1 torrada, mastigada até virar água. Demorou uma eternidade para comer, tinha medo, pavor. Mas desceu. E a sensação depois foi a de ter comido um boi.
Sei que não devia, mas não vou me arrepender. Meu limite de dieta líquida foi 16 dias, 150 mls.
Na quarta feira tem nutricionista. E direi a verdade a ela. Que num deu, não teve jeito.
Espero que daqui para frente a fraqueza suma e que eu possa passar os próximos dias me sentindo bem, com minha caminhada em 2 horas dia, andando para cima e para baixo, me movimentando.

Um comentário:

  1. Oi Laura, eu tbm fiz sleeve em fevereiro. Boa sorte nessa nova jornada e muito cuidado com sua saude!

    ResponderExcluir